quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Sergio Malheiros sobre temporada em NY: 
"Foi incrível"
Sergio Malheiros viajou com a namorada, Sophia Abrahão, para a Big Apple, curtiu 11 dias ao lado da amada e depois seguiu na cidade sozinho para se dedicar a aulas de inglês e dramaturgia

Por Bia Amorim
Um tempo de descanso, mas também de aprendizado e crescimento pessoal. Foi o que Sergio Malheiros, de 22 anos, conquistou depois de dois meses em Nova York, nos Estados Unidos. 
“Foi incrível passar esse período fora do país estudando, tendo que me virar para conseguir as coisas. 
Sempre quis conhecer a cidade e, de repente, tive essa brecha”, diz o ator, que arrumou as malas e partiu para a aventura assim que a novela Alto Astral, trama das 7 da Globo na qual vivia o nadador Emerson, terminou, em maio.

A viagem teve um objetivo principal: estudar inglês e dramaturgia. Porém, alguns momentos foram destinados a turismo e romance. 
Sergio passou os 11 dias iniciais na Big Apple na companhia da namorada, a cantora e atriz Sophia Abrahão, de 24.
 O namoro entre os dois começou justamente nos bastidores da trama, e o que era ficção – ela atuou na mesma novela como Gaby, par romântico dele – agora segue firme na vida real.
 “Tive a sorte de os nossos caminhos se cruzarem durante a novela. Passamos dias muito felizes juntos, relaxando da rotina puxada de gravações. 
A maioria dos nossos passeios teve a ver com gastronomia. Descobrimos restaurantes e até visitamos uma feira com comidas de todas as partes do mundo, chamada Williamsburg Smorgasburg, na região do Brooklyn”, conta.
Ele acaba de retornar ao Brasil para “matar a saudade da namorada” e se preparar para o próximo trabalho na TV, Totalmente Demais, trama de Rosane Svartman e Paulo Halm que substituirá I Love Paraisópolis no horário das 7 da TV Globo. 
Na história, ele fará seu primeiro vilão, Jacaré, um morador de rua, “mau até a raiz do cabelo”. 
Enquanto a novela não começa, Sergio entra em novos projetos. Ele é o diretor de Fica a Dica, série de programas curtos sobre beleza e lifestyle, apresentada pela amada em seu canal na web.
EXPERIÊNCIAS
Outra tarefa que vem ocupando o tempo livre do ator é a finalização de seu curta-metragem, Next Corner, que filmou justamente durante a temporada em Nova York. “Assino o roteiro e a direção. Quando o escrevi, não tinha ideia de que ia conseguir rodá-lo nos Estados Unidos. Até que conheci o Victor Lladó, um produtor espanhol, que topou fazer comigo esse trabalho em tempo recorde: terminamos em quatro dias”, afirma. O filme trata de relações interpessoais numa cidade grande. “Apostamos em lugares inusitados como o metrô de Manhattan. O mais impressionante foi a facilidade que tive para conseguir autorização para rodar em lugares públicos. Não sem motivo Nova York é uma das cidades mais filmadas do mundo, o incentivo é enorme e as pessoas já estão superacostumadas”, explica.
Para conhecer cada cantinho da cidade e não perder tempo no tão famoso trânsito caótico de Nova York, Sergio resolveu lançar mão de um jeito próprio de se locomover: o skate. “Comprei por lá e andei pela cidade inteira. A cada dia eu tentava fazer um caminho diferente para descobrir a dinâmica dos bairros e os points que fogem do lugar-comum. Tive interesse especial pelas pessoas e pela pluralidade cultural que existe por onde passei”, afirma o ator, que também não fugiu da visita aos lugares típicos de um turista clássico, como a Ponte do Brooklyn, a Times Square e o Empire State Building. “Sou um cara urbano. Foi incrível vivenciar o espírito da cidade mais cosmopolita do mundo, tão barulhenta e ao mesmo tempo tão fácil de se viver, porque todos os serviços funcionam bem. Eu normalmente pegava o metrô de madrugada, mas durante o dia vi que era frequentado tanto pelo cara que trabalha em Wall Street, quanto pelo cidadão que varre as ruas”, observa. E ele pretende voltar. “Deixei muitos amigos por lá. E ainda existem tantos cantos a serem descobertos...”


FONTE/QUEM

Nenhum comentário:

Postar um comentário