segunda-feira, 30 de maio de 2016

Daniel Rocha posa para ensaio e fala sobre assédio:
 'já fui mulherengo' 
Por Kelly Krishna Rios
Hoje ele namora há dois anos a dermatologista mineira Laise Leal Desde 2012, quando se destacou na TV em "Avenida Brasil" no papel de Roni, o paulista Daniel Rocha sabe o que é sucesso. 
Com a explosão de "Totalmente Demais", novela das 19h que termina na segunda (30), o intérprete do fotógrafo Rafael ficou ainda mais e mais assediado.
 Nada que atrapalhe seus dois anos de namoro com a dermatologista mineira Laise Leal. 
Mas se fosse em outros tempos...  
Nunca fui um cara canalha, mas já fui mulherengo quando era solteiro na adolescência. 
Hoje estou mais maduro e dou mais valor às mulheres, principalmente a que está ao meu lado — diz. 
 A diferença de cinco anos (Daniel tem 25, Laise tem 30) não é um problema no relacionamento, que, ele garante, não ser pautado pelo ciúme.
 — É claro que as vezes a gente sente um ciuminho saudável. 
Mas ela respeita meu trabalho, o assédio e até as cenas quentes. 
É uma mulher segura e traz isso para nosso relacionamento. 
Quando alguma fã tenta uma abordagem mais ousada, eu mesmo corto. 
Não quero que ela se sinta incomodada com isso — explicou.
 VAIDADE E TALENTOS 
 Personagem desse ensaio de moda exclusivo, Daniel é vaidoso, mas acredita ter um perfil básico quando o assunto é estilo. 
Seu guarda-roupa é repleto de camisas pretas, brancas e cinzas, mas seu fraco mesmo é outro. 
Amo botas, tenho mais que qualquer outra coisa. 
Curto jeans escuro com modelagem skinny. 
Às vezes me inspiro nos figurinos do personagem que estou interpretando na época, outras vezes escuto os palpites da Laise. 
 Com uma dermatologista em casa, é difícil burlar os cuidados com a pele. 
A namorada dá a ordem e ele obedece.
 — Não ligava muito para isso. Mas ela me convence com jeitinho, com carinho e faz um monte de tratamentos em mim. 
Ela me deu uma dica importante: colocar um sabonete para o rosto no box. 
 Músico desde criança, Daniel toca alguns instrumentos de corda e nega o que as fãs e sua mãe acreditam: 
 — Não sou bom violinista! Queria saber tocar violoncelo, mas quando comecei a testudar música, aos 6 anos, era pequeno demais para o instrumento pesado - diz ele, que vai aproveitar os 15 dias de férias para deixar a TV e a música de lado e só curtir as belezas de Fernando de Noronha com a namorada.

FONTE/OGLOBO

Nenhum comentário:

Postar um comentário