terça-feira, 10 de maio de 2016

 Silvia Poppovic abre seu lar alegre e solar 
 Silvia Poppovic mostra os ambientes favoritos de seu apartamento em São Paulo, onde vive com o marido, Marcello Bronstein, e a filha do casal, Ana.
 Otimista por natureza, a jornalista diz que as cores vivas do lugar refletem seu alto-astral 

Por Bruno Segadilha 
 Uma casa solar e alegre. É assim que Silvia Poppovic define o estilo de seu apartamento, de 450 metros quadrados, localizado no bairro de Higienópolis, em São Paulo.
 Para inaugurar a seção Lifestyle de QUEM, a jornalista e apresentadora recebeu a reportagem para mostrar seus dois ambientes favoritos: a sala de estar e o escritório.
 “São dois lugares que eu adoro. No meu escritório passo boa parte do dia: sento na minha mesa, checo e-mails, leio os jornais e me informo. 
A sala é um resumo de tudo o que eu gosto: tem as minhas coleções de objetos, minhas esculturas e quadros”, conta. 
A decoração foi toda pensada por ela. 
“Sempre adorei arquitetura e decoração”, revela a jornalista
 Os ambientes sóbrios ganham um tom colorido, com porta azul-anil.
 "Acho interessante dar essa quebrada na sobriedade" 
 VIDA PESSOAL
 Aos 61 anos e 36 de carreira, Silvia comemora as conquistas na vida pessoal e profissional. Ela explica que nunca focou sua vida exclusivamente no trabalho, fato que a encorajou, em 2001, a dar um tempo em seus projetos para dedicar-se a Ana, sua filha com o médico Marcello Bronstein. “Hoje ela está com 16 anos e nós somos bem próximas. Demorei para ter filho, mas, quando tive, pude me dedicar bem”, diz. É graças a essa filosofia também que Silvia tem encarado com serenidade a repentina saída da Rádio Jovem Pan, no começo de abril. Ela apresentava, desde outubro de 2015, o Jornal da Manhã, ao lado de Marco Antonio Villa e Joseval Peixoto. “Encaro isso com tranquilidade. Acho uma pena, porque estava tudo indo bem, eu tinha uma voz ponderada ali dentro. Mas tudo bem. Não sou depressiva, sou uma otimista, basta olhar para a minha casa”, explica. Procurada, a Jovem Pan não quis se pronunciar sobre o assunto. Sobre o futuro, Silvia ainda não tem planos, mas acredita que pode voltar a investir em um canal na internet, a exemplo do Já Pensou Nisso, que ela inaugurou em 2013. Ela parou com os vídeos por causa do trabalho na rádio. “É um caminho a seguir, mas ainda não sei. Daqui a pouco pinta alguma coisa legal, tenho certeza”, diz, com o alto-astral que sempre foi sua marca. 
 UM ESCRITÓRIO DE LEMBRANÇAS 
 A apresentadora guarda cada coisinha que tem um significado importante. Veja a descrição de cada objeto do escritório: Quadro com montagem feita por Ana, filha da apresentadora. "Ela se interessa muito por pintura. Estamos montando um atêlie para ela." Quadro do artista plástico Otávio Roth (1952-1993), amigo da jornalista. "Ele pegava gravetos em diversos lugares e embrulhava tickets de metro desses locais". A apresentadora guarda um vestido usado por Ana, sua filha, quando ela tinha apenas 3 meses. "Tenho um objeto dela, um meu e um da minha mãe. São três gerações de mulheres." Detalhe da fantasia de holandesa usada em um carnaval pela mãe de Silvia, Ana Maria Poppovic (1928-1983): "As fantasias antigas eram bem trabalhadas". 
 DETALHES DA SALA 
 "A sala é um resumo de tudo que eu gosto: tem minhas coleções de objetos, minhas esculturas e quadros". A apresentadora tem ainda dois quadros assinados pelo pintor paulistano José Roberto Aguilar. Veja a descrição de cada objeto da sala: "Estas porcelanas são Rosenthal, outra coleção que eu faço."

 Coleçao de pesos de papel: 
"Tenho mania de colecionar objetos. Comprei estes pesos pelo mundo e fui juntando vários. Até a hora que me enchi e parei". 

 Coleção de taças: 
"Adoro reunir amigos em casa, então, tenho várias, para diferentes ocasiões. Estas taças de cristal eu coleciono nas viagens que eu faço. Cada amigo que chega escolhe a taça que quer usar". Folhas de bananeira vitrificadas, confeccionadas pelo artista plástico paulistano Nuno Ramos. "Eram três folhas de vidro, mas meus gatos quebraram uma".

 FONTE/QUEM

Nenhum comentário:

Postar um comentário