sexta-feira, 30 de setembro de 2016

 Joana Balaguer lança site sobre Portugal e relembra 'Malhação' 
Por Anna Luiza Santiago
Há três anos sem atuar, Joana Balaguer reaparecerá na TV na reprise da temporada de 2005 de "Malhação", no canal Viva. Ela interpretou Jaque, a vilã.  - Parece que foi ontem. Quando penso que já se passaram 11 anos, até me assusto. 
Foi minha estreia na TV. Era modelo, fiz um teste e passei.
Me lembro daquela juventude reunida, cheia de excitação e ansiedade, vivendo uma mistura de sentimentos. 
Eu queria voltar à novela hoje, com minha maturidade.
Na época, ficávamos muito nervosos e inseguros. 
Foi um momento que vou levar para o resto da vida - diz Joana, que tinha 21 anos.
 O último trabalho da atriz na TV foi entre 2012 e 2013, na novela "Balacobaco", da Record. 
Nessa época, ela já vivia fora do país: foi morar em Portugal em 2009 e depois se mudou para África e Austrália.
 Há três anos, fixou-se em Lisboa.
 - Meu plano, no momento, é continuar em Portugal. Minha vida está redondinha.
Martin (seu filho, de 2 anos, na foto abaixo) entrou na escola, minha casa está toda estruturada e agora tenho um projeto, o site Cidades de Portugal. 
Claro que, se precisar trabalhar no Brasil, irei, mas minha base é aqui.
 No site, Joana dá dicas sobre o país. 
 - Me encontrei fazendo isso, da mesma forma que me encontro atuando.
Amo escrever e quero passar para as pessoas o que estou vivendo aqui. 
Aos poucos, pretendo desmitificar essa imagem de que Portugal é só padaria, bigode e 'ora, pois'.
Viajo bastante e sei que, às vezes, ficamos meios perdidos e acabamos fazendo só o roteiro turístico, o que pode ser uma roubada. 
A ideia é mostrar Portugal para os brasileiros de uma maneira a que eles não estão acostumados - explica ela, que viaja pelo menos uma vez por mês e já visitou 21 países no total.
 No dia a dia, a atriz se divide entre os negócios e os cuidados com a casa ("passo, lavo, limpo e cozinho") e com o filho.
 Joana é casada há cinco anos e meio com o empresário português Paulo Miguel Palha (foto abaixo).
 - Na Europa, não se tem a mordomia que muita gente tem no Brasil.
Tenho ajuda só uma vez por semana.
 Preciso saber gerir o tempo entre casa, marido, filho e trabalho.
Está sendo um grande desafio. 
O site tem só um mês e meio, mas já está a todo vapor, demandando bastante de mim.
Recebo parceiros e pessoas que querem fazer negócios - afirma Joana, que em outubro vai passar cerca de 15 dias no Norte de Portugal para produzir conteúdo para sua página na internet.

FONTE/OGLOBO

Nenhum comentário:

Postar um comentário