terça-feira, 27 de setembro de 2016

Leo Santana:
 ‘Estou conhecendo uma gatinha aí’
Por Leo Dias
 Atenção, mulherada de plantão! 
O gato Leo Santana está prestes a deixar o time dos solteiros. 
Em conversa com a coluna, no ‘Salvador Fest’, ele confessou que está conhecendo uma mulher, falou sobre seu primeiro DVD em carreira solo que vai ser lançado em outubro e ainda adiantou o tema do seu bloco chamdao ‘As Muquiranas’ para o Carnaval 2017. 

Você está solteiro Leo? 
Estou conhecendo aí uma gatinha. 

 Uma gatinha quem? 
Em breve vocês vão estar sabendo. Ainda é muito recente e o que ninguém sabe,ninguém estraga, né? 

 Mas ela é famosa? 
Não… É uma mulher normal. 

 E o que que ela fez para te conquistar? 
Está sendo ela. 

 Você é meio inconquistável, né?
 Não, eu sou até meio bobo… É porque o nosso meio é muito complicado e a gente acaba tendo um pé atrás com geral. É uma defesa que não sei explicar bem, mas eu sou assim. Procuro conhecer bem a pessoa para depois, se caso dê certo, assumir. É melhor começar devagarinho, se conhecendo aos poucos, e com fé em Deus que se der certo. 

 Há quanto tempo vocês estão juntos
Tem pouco tempo… Acho que uma semana… Por isso que não é bom falar agora. 

 Que música você aposta como hit do próximo Carnaval? 
Pode ser uma canção sua ou não. Ah, é lógico que eu sempre vou apostar nas minhas, mas eu também sei re conhecer quando as músicas de outros artistas dão mais sorte que a nossa. Mas a gente está vindo com uma sequência de músicas muito boas agora. Tem a ‘Santinha’, que está sendo muito bem aceita. Fora isso a gente tem o DVD que vai ser lançado em outubro e tem muita música legal que é a cara do verão. 

 Você tem um trio que todo Carnaval arrasta uma multidão vestido de mulher. Qual será o tema de 2017? 
Será as gladiadoras. Vou estar vestido de gladiadora piriguete. Este é o quarto ano consecutivo que eu puxo esse bloco. É um dos maiores hoje do Carnaval de Salvador, com abadás esgotados todo ano. São mais de seis mil foliões só no bloco. Ele existe há mais de 30 anos. É surreal e eu fico lisonjeado de estar mais um ano puxando. Na terça-feira de Carnaval a gente encerra com o bloco As Muquiranas. 

 Como foi para você gravar esse primeiro DVD em carreira solo? 
É um sonho realizado, eu tenho dois aninhos só de carreia solo, então muita coisa vem acontecendo, o trabalho que a gente vem fazendo é um trabalho com bastante pé no chão e tudo vem dando certo,sem precipitações sabe, de querer alcançar o que a gente pode alcançar aos poucos, então sem pressa nenhuma e isso vem acontecendo e o DVD para mim vai ser m divisor de águas assim. 

Quem participa com você? 
Marília Mendonça e MC TH, lá do Rio e que vocês conhecem bem. Gravamos a música ‘Vidro Fumê’. Estou muito confiante, porque o repertório está bem bacana. O DVD está bem a minha cara: tem coreografia, tem verão, então o povo vai se identificar muito. 

Como é que você vê assim essa mistura de ritmos? 
No ‘Salvador Fest’ houve uma boa mistura do axé com o sertanejo. Eu acostumei. Os sertanejos estão fazendo muitos show aqui na Bahia. No começo eu achava um pouco estranho e isso preocupava muito a gente da música baiana porque o sucesso deles veio com muita força. A música baiana deu uma esfriada e o sertanejo está no centro das atenções, mas a gente sabe que a força da música baiana é no Brasil inteiro também. Hoje o sertanejo faz parte do meu repertório. Em todos os meus shows pelo Brasil a gente toca sertanejo. Eu gosto do ritmo. 

 Mande um recadinho para os seus fãs?
 Amo vocês! Meus fãs estão tatuados em mim aqui no braço direito. Obrigado pelo carinho de sempre! Fiquem com Deus.

FONTE/ODIA

Nenhum comentário:

Postar um comentário