quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Bia Jordão fala com alegria sobre a sua primeira experiência em novelas
Ela que interpreta a Júlia de 'Cúmplices de Um Resgate' conta os momentos inesquecíveis que viveu ao lado de seus colegas de elenco

Por Jaquelini Cornachioni
Agitada e simpática, Bia Jordão conseguiu colocar em prática, através de sua personagem Júlia, duas de suas maiores paixões: atuar e tocar bateria. 
No ar em sua primeira novela, Cúmplices de um Resgate, a atriz conta que as gravações da trama já deixaram saudade.
 “Eu sinto falta de ver os meus amigos todos os dias, das nossas brincadeiras e conversas. 
Por isso, sempre que temos tempo, estamos juntos”, conta a paulista. Aos 12 anos, Bia está em turnê com a banda C1R que, na novela infantil, é um sucesso entre as crianças e adolescentes. Fora da ficção não é diferente! 
Em São Paulo, a banda lotou o ginásio do Ibirapuera e o próximo show, no Rio de Janeiro, no sábado 29, promete lotar e ser cheio de surpresas. 
“Eu adoro esse contato com os fãs, é assim que eu sei que fiz o meu trabalho direito”, comemora Bia.

As gravações já acabaram. Do que você sente mais saudade? 
Eu sinto falta de ver os meus amigos todos os dias, das nossas brincadeiras e conversas. Por isso, sempre que temos tempo, estamos juntos. A nossa sorte é que os shows da C1R unem uma parte do elenco novamente. É muito legal! 

Ao lado dos irmãos, Joaquim (João Guilherme) e Felipe (Kevin Vechiatto), Júlia passou por muitos momentos difíceis. Tem alguma cena mais marcante? 
O momento em que a Júlia é levada para o orfanato, junto com os irmãos, é muito triste. Mas, ao mesmo tempo, inesquecível. Além disso, foi uma cena que eu adorei gravar. 

E, assim como a Júlia, você também sabe tocar bateria? 
Sim, eu toco bateria desde os oito anos e gosto muito. Aprendi muitas coisas com a personagem, como nunca desistir dos meus sonhos e ser perseverante, mas bateria eu já sabia tocar (risos). 

Como está a turnê Cúmplices de Um Resgate - O Show? 
Está incrível. Vamos fazer um show no Rio de Janeiro, no dia 29, que promete ser bem divertido. E é tudo uma surpresa para mim. Normalmente, sou avisada pouco tempo antes do evento e aí é uma correria danada, mas vale a pena. 

Como você lida com os fãs? 
Do melhor jeito possível. Eles me param na rua, conversam comigo e é muito bom. Eu adoro esse contato com os fãs, é assim que eu sei que fiz o meu trabalho direito. 

Cúmplices de um Resgate é sua primeira novela. Vai continuar trabalhando como atriz? 
A experiência foi incrível. Eu consegui conciliar muito bem as gravações com os estudos e conheci muita gente legal. Pretendo continuar atuando sim, é algo que eu gosto bastante de fazer. Sempre gostei! Quero me aprimorar!

FONTE/MINHANOVELA

Nenhum comentário:

Postar um comentário