sábado, 14 de janeiro de 2017

Comprometido, Israel Novaes garante que não é pegajoso:
 "O segredo é soltar para prender"
 O sertanejo relembra o início da carreira quando trocou a faculdade de Direito pelos palcos, conta que tem um novo amor e diz que sonha em ser pai

 Por Adriana Trujillo 
Um dos talentos da música sertaneja, Israel Novaes, 26 anos, descobriu cedo sua vocação na música, ao cantar no coral da igreja evangélica que a família frequentava no Pará. 
Mas foi anos depois, quando trocou sua terra natal por Goiânia, que ele se entregou de verdade à sua paixão. 
“Tinha muitos amigos de Goiás quando morava no Pará. Um deles me chamou para prestar vestibular de Direito em Goiânia. 
Fui, passei e estudei até o sétimo período. Sou apaixonado por Direito, mas a música me escolheu e falou mais forte no meu coração”, conta o também compositor, que, após criar o hit Vem Ni Mim Dodge Ram, foi alçado à fama em todo país. 
Com um talento indiscutível, ele fez músicas de sucesso gravadas por outros cantores, como Mente pra Mim, de Cristiano Araújo (1986-2015), e Canção Perfeita, da dupla Humberto e Ronaldo. 
A ligação com Goiânia é tão forte que o artista receberá o título de Cidadão Goianiense. 
“É uma responsabilidade muito grande. Digo que o Pará me deu o talento e Goiânia, a oportunidade. Sou muito grato a esta cidade, pois toda vez que toco aqui é um alvoroço. 
O pessoal me trata com muito amor”, diz ele, que abriu sua mansão em condomínio de luxo com exclusividade para a CONTIGO!. 
 PAIXÃO GOIANA 
Após namorar algumas famosas, como as ex-panicats Carol Dias, 29, e Dani Bolina, 32, Israel tem novo amor. 
Há pouco mais de um mês, ele está namorando uma goiana cujo nome pretende manter em sigilo, por enquanto. 
“Nossa história é muito recente ainda. Ela não é famosa e é uma pessoa muito reservada, tranquila, pura e verdadeira. 
Em outros relacionamentos, me pediam para postar declarações de amor nas redes sociais, e com ela é o contrário. Ela me pediu para vivermos a nossa vida sem ficar mostrando para os outros. Eu concordei com essa decisão dela e acho que é melhor para evitar a inveja. 
Ela transmite confiança e isso para mim é tudo”, elogia o cantor. “Quando estou aqui, ficamos todo o tempo juntos”, emenda ele. 
“Sou um cara romântico, mas não pegajoso. Sempre dou meu espaço. O segredo é soltar para prender”, reflete o artista. 
 Ficar deitado no sofá mexendo no celular é umas das coisas que ele mais gosta de fazer Apesar da pouca idade, Israel é uma pessoa muito focada e gosta de planejar o futuro. 
“Coloco metas na minha vida. Com 30 anos, quero estar casado e com filho. Sou doido para ser pai. Gosto demais de criança. Tenho sobrinhos que mais parecem filhos. 
Tenho ciúme deles e fico imaginando quando tiver os meus”, afirma. “Está na hora de ter um relacionamento mais sério. 
Nesta vida que levamos, conhecemos muita gente, pessoas bonitas e que aparentam ser interessantes, mas que estão atrás de um degrau. Neste meio, há interesse. 
Tenho muitos colegas na área musical, mas poucos amigos. Amizade não pode ter inveja. É claro que o sertanejo é mais unido, mas, mesmo assim, existe”, reflete o jovem cantor. 
 AMOR PRÓPRIO 
Independentemente de malhar cinco vezes por semana e estar sempre com o visual impecável, Israel diz quie não se considera um cara muito vaidoso. 
“Deus deu a vida para a gente se cuidar, se amar. A gente tem que se amar em primeiro lugar para poder cuidar dos outros e amar. 
Quando um relacionamento acaba, a maioria cai na cachaça, eu não, vou para a academia, compro roupa nova e, se der, até troco de carro. 
Fico até melhor do que era antes”, confessa ele, que já sofreu por mulher. “Já sofri por paixão, pois o amor não faz sofrer, ele te dá paz. 
Quem nunca pastou, nunca viveu”, brinca. À beira da piscina, Israel dedilha a nova composição 
 FASE CALMA 
Quando está de folga, o cantor gosta de curtir a casa decorada por Andréia Spessatto. Além de malhar, ele costuma jogar tênis, andar de long board e assistir às suas séries preferidas deitado no sofá da sala. 
“Mudei para esta casa há pouco tempo e a minha funcionária está morando aqui também. Quando ela não está, a casa fica vazia.
 É ruim ficar sozinho. Ainda bem que tenho o meu cachorrinho, o Arrochinha, para me fazer companhia. Gosto de receber amigos em casa, mas tenho evitado um pouco por causa do barulho”, conta. 
 O artista brinca de long board pelas ruas do condomínio onde mora em Goiânia 
 DESEJOS PARA 2017
 Todas as pessoas, quando iniciam um novo ano, fazem suas listas de desejos e metas. Com Israel não é diferente: “Desde 2012, minha carreira vem crescendo. Vim do arrocha e sempre levei coisas diferentes para as pessoas com minhas músicas. 
Por mais que seja música sertaneja o que eu faço, não gosto de rotular e prefiro dizer que faço música brasileira. Em 2017, trabalharei muito no Norte e no Nordeste. 
A demanda nestas duas regiões está grande por causa do trabalho que lancei, o Forró do Israel, e estamos organizando a logística disso. 
Quero que este ano que acabou de começar seja um ano para fazer a diferença, como foi 2012 para mim. Quero decolar de uma forma mais horizontal. 
No âmbito pessoal, o que eu quero realizar é me aproximar mais da minha família.
 Consigo visitá-la no máximo duas vezes por ano, mas eles sempre que podem vêm para a minha casa aqui em Goiânia”. 
 Vaidoso, Israel malha cinco vezes por semana e tem uma alimentação balanceada

FONTE/QUEM

Nenhum comentário:

Postar um comentário